Quatro estudos de destaque no ADA 2022

Dr. Fabiano M. Serfaty

Notificação

8 de junho de 2022

Neste artigo

4. Probabilidade de covid-19 longa é até quatro vezes maior entre pacientes com diabetes

Um novo estudo, apresentado na 82ª sessão científica da American Diabetes Association (ADA 2022), demonstrou que o diabetes é um potencial fator de risco de sequelas pós-agudas de covid-19 (PASC), ou covid-19 longa.

A fim de determinar o impacto do diabetes no desenvolvimento de covid-19 longa, os pesquisadores avaliaram estudos realizados entre 1º de janeiro de 2020 e 27 de janeiro de 2022.

Os resultados mostram que 43% dos estudos identificaram o diabetes como um potente fator de risco de covid-19 longa. 

Para lembrar:

Pesquisas mostram que 10% a 30% dos indivíduos que tiveram covid-19 podem apresentar covid-19 longa, que é mais prevalente entre pacientes que tiveram covid-19 grave. Isso é particularmente preocupante para pacientes com diabetes, uma população de pacientes com risco aumentado de infecção grave por covid-19.

Referência:
JESSICA L. HARDING, MOHAMMED K. ALI, JENNIFER C. GANDER, RACHEL E. PATZER; 174-LB: Diabetes as a Risk Factor for Long-COVID-19—A Scoping Review. Diabetes 1 June 2022; 71 (Supplement_1): 174–LB. https://doi.org/10.2337/db22-174-LB

Siga o Medscape em português no Facebook, no Twitter e no YouTube

Comente

3090D553-9492-4563-8681-AD288FA52ACE
Comentários são moderados. Veja os nossos Termos de Uso

processing....