Temas mais buscados em maio de 2022: Gripe aviária

Ryan Syrek

Notificação

13 de maio de 2022

Ao final de cada semana nós identificamos o tema mais buscado no site do Medscape, procuramos compreender o que motivou a tendência e então compartilhamos um breve resumo sobre o tema acompanhado de um infográfico. Dúvidas ou sugestões? Entre em contato conosco pelo Twitter ou pelo Facebook

Desde o primeiro caso da gripe aviária H5 em seres humanos nos Estados Unidos até os relatos de doenças generalizadas em andamento nas aves, o potencial de uma possível variante pandêmica tem muitos olhos atentos à espreita desta doença. A Organização Mundial de Saúde Animal (OIE, do francês Office International des Épizooties) alertou no início de 2022 que a atual onda de gripe aviária tinha maior risco de propagação para seres humanos dado seu número elevado de variantes. No final de abril, um prisioneiro na penitenciária prisional estadual que tinha trabalhado em uma exploração comercial de aves de capoeira no Colorado teve resultado positivo em um exame de gripe aviária A (H5) (veja o infográfico).

O homem trabalhou ajudando a matar aves que provavelmente tinham gripe aviária H5N1. Os Centers for Disease Control and Prevention (CDC) afirmaram que isto não altera o risco de gripe aviária para o público em geral, que é considerado baixo. No entanto, o órgão reiterou que pessoas que trabalham com aves devem continuar a tomar precauções de segurança, como usar luvas ao manusear as aves e evitar aves que pareçam estar mortas ou doentes. O governo federal disse que o vírus H5N1 foi encontrado em aves comerciais e de quintal em 29 estados, e em aves selvagens em 34 estados desde que os primeiros casos foram detectados no final de 2021. Das 2,5 mil pessoas expostas a aves infectadas pelo H5N1, apenas este único caso de infecção humana foi confirmado.

A China já tinha registrado a primeira infeção humana conhecida pela cepa H3N8 da gripe aviária. Um menino de quatro anos de idade infectado pelo vírus teve o diagnóstico após apresentar febre e outros sintomas em 5 de abril – seus contactantes não foram infectados. No ano passado, a China notificou o primeiro caso humano de infecção pelo H10N3. Muitas cepas diferentes da gripe aviária existem na China, com algumas pessoas se infectando esporadicamente, normalmente aquelas que trabalham com aves. 

Em todo o mundo, as aves de capoeira estão agora sob um olhar atento. As galinhas poedeiras já não podem circular tão livremente, visto que os agricultores estão mantendo temporariamente os bandos no interior durante surtos letais de gripe aviária. Na França, o governo exigiu que os agricultores mantenham as galinhas no interior desde novembro. Nos Estados Unidos, a gripe aviária espalhou-se agora para as águias-de-cabeça-branca. Mais de 30 destes animais morreram em mais de uma dúzia de estados, segundo o Departamento de Agricultura dos EUA. Este é o pior surto de gripe aviária desde 2015.

Uma vacina contra a gripe recentemente criada contra a subunidade H5N1 do vírus da gripe aviária, que tem potencial pandêmico, demonstrou ser muito imunogênica em adultos mais jovens e mais velhos. Em um ensaio clínico multicêntrico randomizado de fase 3, a vacina experimental promoveu altos títulos de inibição da hemaglutinação nos pacientes. O estudo estratificou 3.196 participantes em duas faixas etárias: de 18 a 64 anos e de 65 anos ou mais. Cada participante recebeu duas doses da vacina ou placebo com três semanas de intervalo, no 1º dia e no 22º dia de estudo. A resposta foi maior entre os jovens que receberam a vacina. No 43º dia, quase 80% dos participantes entre 18 e 64 anos de idade e 54% dos que tinham 65 anos ou mais soroconverteram e corresponderam aos critérios adequados para a idade do percentual de soroconversão. 

Desde os primeiros casos humanos da atual cepa da gripe aviária até os preparativos para uma potencial pandemia, as notícias sobre a gripe aviária despertaram grande interesse esta semana, se tornando o tema mais buscado.

Saiba mais sobre gripe aviária.

Siga o Medscape em português no Facebook, no Twitter e no YouTube

Comente

3090D553-9492-4563-8681-AD288FA52ACE
Comentários são moderados. Veja os nossos Termos de Uso

processing....