Exantema no corpo inteiro, vômitos e confusão mental: desafio clínico

Dr. Andrea Bianchin; Dr. Moreno Agostini

Notificação

24 de novembro de 2021

Nota da editora:

A série Casos Clínicos aborda doenças difíceis de diagnosticar, algumas das quais não são vistas com frequência pela maioria dos médicos, mas é importante poder reconhecer com precisão. Teste a sua capacidade diagnóstica e terapêutica com o caso desta paciente e as perguntas correspondentes.

Contexto

Uma mulher de 30 anos chega ao pronto-socorro com mal-estar, mialgia difusa e um exantema disseminado no corpo inteiro (Figuras 1 e 2).

Seus sinais e sintomas começaram na véspera e inicialmente melhoraram com ibuprofeno. Seu namorado, que a trouxe ao pronto-socorro, acrescenta que ela tem vomitado, parece sentir dor ao se movimentar e teve momentos de confusão durante a noite.

A paciente evoluiu com cefaleia difusa de intensidade moderada, irradiando para a região cervical, e que piora com o movimento. Nega fotofobia, tontura ou convulsão. Nega sensação de febre, dor abdominal, hematêmese ou diarreia. Não teve nenhum sintoma urinário ou lombalgia. Nega tosse ou dispneia.

De relevante, a sua história patológica pregressa revela apenas traumatismo ocorrido há três meses, resultando em fraturas de arcos costais e trauma abdominal fechado. Na ocasião, foi feita uma laparotomia exploratória, com sutura de lacerações no fígado e no rim direito, desde então a paciente está bem. Ela não tem nenhuma doença crônica e não toma medicamentos regulares. Tabagista, mas nega uso excessivo de bebidas alcoólicas ou uso de drogas ilícitas.

Comente

3090D553-9492-4563-8681-AD288FA52ACE
Comentários são moderados. Veja os nossos Termos de Uso

processing....