A infecção pelo novo coronavírus chega às crianças pequenas

Heidi Splete

Notificação

27 de fevereiro de 2020

Nove crianças com menos de um ano de idade foram infectadas pelo vírus Covid-19 e hospitalizadas, na China, entre 8 de dezembro de 2019 e 6 de fevereiro de 2020, com base em dados do governo central chinês e de departamentos de saúde locais.

"Até 6 de fevereiro de 2020, a China tinha registrado 31.211 casos confirmados de Covid -19 e 637 mortes", escreveu o Dr. Min Wei, médico da Wuhan University, na China, e colaboradores. No entanto, "poucas infecções em crianças pequenas foram relatadas".

Em uma carta publicada no periódico JAMA, os pesquisadores revisaram as informações de nove crianças com idades entre 28 dias e um ano, que foram internadas com o diagnóstico de COVID-19, entre 8 de dezembro de 2019 e 6 de fevereiro de 2020. A idade das crianças variou de um a 11 meses e sete eram do sexo feminino. As localidades afetadas foram: Pequim (duas crianças), Hainan (duas crianças), e Guangdong, Anhui, Xangai, Zhejiang e Guizhou, cada uma com uma criança.

Todos as crianças infectadas tinham pelo menos um membro da família infectado, e a infecção nos pequenos ocorreu após as dos outros membros da família; sete crianças moravam em Wuhan ou tinham membros da família que haviam visitado a região.

Um dos bebês não apresentou sintomas, mas teve resultado positivo para o novo coronavírus, e dois outros foram diagnosticados, mas não havia informações sobre sintomas. Febre esteve presente em quatro pacientes, e sintomas leves do trato respiratório superior ocorreram em dois pacientes.

Nenhum dos bebês morreu e nenhum teve complicações graves ou a necessidade de cuidados intensivos ou ventilação mecânica, disseram os pesquisadores. O fato de a maioria das crianças ser do sexo feminino pode indicar que elas são mais suscetíveis ao vírus do que as do sexo masculino, embora no geral, as infecções por Covid-19 tenham sido mais comuns em homens adultos, especialmente aqueles com comorbidades crônicas, disseram Dr. Min e colaboradores.

Os resultados do estudo foram limitados pelo tamanho pequeno da amostra e pela falta de dados de sintomas para alguns pacientes, disseram os pesquisadores. No entanto, os resultados confirmam que o vírus Covid-19 é transmissível a crianças com menos de 1 ano, e os cuidadores adultos devem adotar medidas de proteção, como máscaras, lavar as mãos antes do contato com bebês e esterilizar rotineiramente brinquedos e utensílios de mesa, enfatizaram os autores.

O estudo foi financiado pela National Natural Science Foundation of China e pelos Fundamental Research Funds for the Central Universities. Os pesquisadores informaram não ter conflitos de interesses relevantes.

FONTE: Wei M et al. JAMA. 2020 14 de fevereiro. doi:10.1001/jama.2020.2131.

Esta história foi veiculada originalmente no MDedge.com.

Siga o Medscape em português no Facebook, no Twitter e no YouTube

Comente

3090D553-9492-4563-8681-AD288FA52ACE
Comentários são moderados. Veja os nossos Termos de Uso

processing....