Recém-nascido com hipoatividade, sucção débil e hipocalcemia

Dr. Fernando Lyra

Notificação

26 de abril de 2017

Nota do Editor: A série Desafio Clínico traz quadros clínicos de difícil diagnóstico. Alguns não são encontrados com frequência pela maioria dos médicos mas, não obstante, é necessário saber identificá-los com acurácia. Teste sua capacidade diagnóstica e terapêutica usando o seguinte cenário clínico e as questões correspondentes a seguir. Se você tem um caso que gostaria de sugerir para um futuro Desafio Clínico, por favor entre em contato conosco.

Introdução

Um recém-nascido (RN) do sexo feminino foi atendido ambulatorialmente com 13 dias de vida. A criança nasceu por cesária, com peso de 3.085 g, estatura de 48 cm, perímetro cefálico de 34 cm e Apgar 7-8, de uma mãe com hipertensão arterial crônica e sem histórico de sintomatologia de doença infecciosa gestacional.

O RN apresentou desconforto respiratório precoce, com melhora nas primeiras seis horas de vida, com oxigenoterapia por vaporização. Após 24hs do nascimento apresentou hipoatividade e sucção débil, tendo sido constatado hipocalcemia, com cálcio = 7,8mg/dL e cálcio iônico = 4,97mg/dL, seguido por Ca = 8,2 e Ca iônico = 4,09, com normalização pela administração de gluconato de cálcio. Como a sucção débil persistia, o RN foi alimentado por sonda orogástrica e recebeu estimulação fonoaudiológica. Foi realizada ultrassonografia transfontanela que resultou normal.

Exame físico e avaliação

Com oito dias de vida foi realizada coleta de sorologia para o vírus Zika, pela alta incidência de quadros assintomáticos maternos em zika congênita. Foi coletada concomitantemente sorologia para dengue. O RN recebeu alta hospitalar com melhora da sucção, recebendo aleitamento materno e fórmula láctea de primeiro semestre.

No atendimento ambulatorial com 13 dias de vida, apresentou-se com boa sucção, crescimento e desenvolvimento adequado, e exame clínico normal, com peso de 3.170 g (ganho de 57 g/dia), estatura de 49,5 cm e perímetro cefálico de 34,5 cm.

Resultados laboratoriais:
Zika-PCR (PCR em tempo real): Não detectado
Dengue IgG: Não reagente
Índice 0,6 (Referência: Reagente >1,1)
Dengue IgM: Reagente
Índice 1,7 (Referência reagente >1,1)

Demais exames relacionados:
Sorologia para Sífilis não reagente
Glicemia, Magnésio, Sódio, Potássio normais
Hemograma: Hb = 14,5 Ht = 46,1 Leucócitos = 15.600/mm3 (diferencial em percentuais: Basófilos = 1; Eosinófilos = 1, Bastões = 1, Segmentados = 63, Monócitos = 25, Monócitos = 9) Plaquetas = 365.000
PCR = 0,44 mg/dL (Referência<0,3)
Ácido lático venoso normal
Triagem neonatal básica normal

Comente

3090D553-9492-4563-8681-AD288FA52ACE
Comentários são moderados. Veja os nossos Termos de Uso

processing....